09 / Ago2017

NATALIA VODIANOVA FALA DE SUA ROTINA DE BELEZA

Via: NY Times (traduzido)

clipboard0-tile

A trajetória da modelo Natalia Vodianova, 33, é a de uma Cinderela moderna: de vendedora de frutas na sua Nizhny Novgorod, na Rússia, para a indústria da moda, sua ascensão foi fulgurante. Rosto de diversas luxuosas campanhas — como do perfume Calvin Klein Euphoria —, Vodianova é também filantropista, fundadora da Naked Heart Foundation, que dá suporte a famílias russas que têm crianças especiais.

Vodianova mora em Paris com o namorado, Antoine Arnault, e seus (dela apenas) quatro filhos, e, vez por outra, encontra tempo de se cuidar com mais apuro.

Cuidados com a Pele

O mais importante é manter a pele limpa e hidratada. Limpar pode ser agressivo com a pele, então uso uma marca farmacêutica, a La Roche-Posay, que é suave. Com relação aos cremes, uso o Super Aqua day e o Super Aqua night da Guerlain. Sou embaixatriz da marca, mas estes não são, definitivamente, os produtos mais famosos da linha. Porém, são os ideias para mim, pois deixam a pele muito macia para se aplicar a maquiagem em seguida, o que eu aprecio muito.

Então, como eu tenho olhos muito sensíveis, uso um creme recomendado por dermatologista. É o SVR Topialyse, específico para pálpebras irritadiças. Não que minhas pálpebras cocem todo o tempo, mas este é um creme delicadíssimo e calmante.

Outra coisa que amo é a máscara Fresh Black Tea Firming Overnight. Máscaras, o problema delas é que você precisa aplicá-las e não fazer nada. São muito entediantes. Sou mãe, não tenho tempo para esse tipo de coisa. O fato de essa máscara ser noturna é genial. Eu a aplico e me deito, e pronto. Não tenho mais de pensar sobre isso.

Maquiagem

Durante o dia, gosto de um lápis nos olhos. Às vezes, não uso rímel, apenas o delineador em pó de Charlotte Tilbury e o esfumo um pouco. Também gosto do gel marrom da Eyeko. A fórmula não é mate, e sim levemente resplandecente. Meus olhos são claros, e acho bonito ter sobrancelhas de um marrom mais escuro para realçá-los. Na minha bolsa, sempre tenho esses hidratantes de boca Fresh, como o Sugar Petal. Eles são ótimos e práticos.

Algo que aprendi enquanto trabalhando como modelo foi que um brilhinho no cantinho dos olhos é muito festivo. Você pode usar vaselina se quiser um efeito bem leve, mas eu amo o lindo lápis Champagne Diamonds da Charlotte Tilbury, indicado para olhos azuis  — deve ser por esse motivo que gosto tanto dele!

11SKIN2-articleLarge

Perfume

Amo que um perfume funcione como um afago, uma indulgência consigo mesma, aquela borrifada que me faz sentir que estou me aplicando para me sentir bem. Amo que o Euphoria seja belo, mas também sensual. Durante o dia, gosto da loção corporal Euphoria. Tão discreta, faz com que eu me sinta mais limpa, fresca de alguma forma.

Cabelo

Meu cabelo é muito fino. Tenho muito cabelo, mas ser modelo implica ter de secá-lo, escová-lo, puxá-lo em excesso, então acho importante rejuvenescer os fios e nutri-los tanto quanto possível. Uso muito Leonor Greyl. É uma marca muito francesa, e Odile Gilbert, hairstylist, me disse que eu deveria usar o creme para as pontas do cabelo. Eles têm uma pequena clínica em Paris, e está é a minha única grande indulgência em beleza. Vou a cada duas semanas, fico por duas horas, ganho uma massagem capilar completa, com muitos óleos e máscara. Quando saio, sinto como se tivesse desfrutado de uma semana inteira de férias.

Também uso muito os produtos Christophe Robin. Meu cabelo é pintado por Christophe — um pouquinho mais loiro que o meu tom natural — e também corto os fios quando estou no salão. Sou obcecada com o mix de água de rosas que dá volume. E vario o shampoo: quando não estou usando Leonor Greyl, gosto do leite com mirtilos dele. É espetacular.

Dieta e Forma

O que me incomoda na ioga e Pilates é que sempre ganho braços muito fortes — ombros definidos e tudo o mais — rapidamente. Todo mundo ama, mas eu odeio. Não quero braços definidos. Quero uma aparência muito feminina. Quero que minhas curvas sejam suaves e não muito magras, estar em  boa forma, mas sem braços definidos. Isso sempre me incomodou. Então, um dia acordei e tive uma revelação. Pensei, ‘Ah, sei o que quero fazer!’ Vou dançar porque, na dança, braços são mais acessórios. Você não se esforça com eles, só o s movimenta.

Encontrei um estúdio de dança adorável e calmo, onde faço aulas particulares. Faço jazz e dança contemporânea. Faço uma vez por semana, e é tão maravilhoso. Faz com que eu entre em contato mais profundo comigo mesma enquanto mulher, eu acho.

Para dieta, tenho regras. Sigo a dieta do tipo sanguíneo. Sei que muita gente não acredita nela. Mas tenho problemas com meu sistema digestivo desde pequena. Tinha úlceras, e, por volta dos meus 20 anos, estava com problemas ainda mais sérios. Então, tentei essa dieta, e, em apenas duas semans, senti uma grande diferença.

Tenho sorte, pois meu tipo sanguíneo é o AB, e não tenho de me disciplinar muito. Posso comer carne, carboidratos e peixe. Mas há regras, como não posso comer outra carne vermelha que não de cordeiro. O mesmo com vegetais. Não posso comer várias coisas, mas posso diversas outras. Eu gosto desse esquema, apesar de tudo. Sigo-o já há mais de 10 anos.

Comente!