Daqui há alguns minutos vai começar a apresentação da coleção primavera-verão 2013 da Cris Barros. O desfile acontece no Salão Nobre do Teatro Municipal de São Paulo, uma location extraordinária que mistura arte, história e beleza.

A coleção inspirada em bailes à fantasia traz referências de filmes de Luchino Visconti e de máscaras venezianas em modelagens com estudos de geometria e grafismo e um incrível jogo de texturas, bordados e tecidos.

A construção das peças parte de estampas que vão do floral as listras. Veludo devorê, micropaetês coloridos, tecidos leves e texturizados formam a cartela de materiais da coleção, tudo muito Cris Barros.

Os recortes criam desenhos emoldurados por vivos, tom sobre tom ou pretos, e vazados discretos delineiam a feminilidade das criações da estilista.

A coleção apresenta um trabalho “orgânico” da alfaiataria em seda que mistura estrutura e leveza nas peças. A desconstrução seguida de assimetrias na modelagem faz o diferencial da coleção.

***

Cris Barros SS 13

Cris Barros SS 13 show is starting in a few minutes. It’s taking place in the Noble Hall, at the Municipal Theater of São Paulo, an extraordinary environment with its blending of Art, History and beauty.

The collection, inspired by costume balls, alludes to Luchino Visconti’s films and Venetian masks, in models featuring geometric studies, graphics and incredible interplays of textures, embroidery and fabrics.

The construction of the clothing uses varied prints, from flowered to stripped patterns. Dévoré velvets, micro sequins and textured lightweight fabrics form the collection material palette, very Cris Barros.

The cutouts create images framed by bright, tone on tone or black colors, and discrete pierced details delineate the designer’s vision of femininity.

The collection features an organic work on her tailoring in silk, mixing lightness and structure in every piece. Deconstruction, followed by asymmetries, is the collection signature.   

 

Comente!